16 de jun de 2010

Bife de Chourizo com Aspargos e Agrião

Hoje estava passeando no hortifruti, e vi dois bifes de chourizo. Estavam tão bonitos que tive que comprar e planejar alguma receita para eles. Fui procurando outros ingredientes para a receita e me deparei com os aspargos e é claro que o agrião (que combina perfeitamente com qualquer carne vermelha).
É claro que quando falamos do chouziro, todos lembram das linguiças, mas é também um tipo de corte argentino de carne. É na verdade um corte de contra-filé, mais gordinho e suculento.

Modo de Preparo:

É tudo bem simples e fácil. Em uma chapa, ou grill, ponha o bife e previamente temperado com sal grosso moido e pimeta do reino. Enquanto o bife está sendo preparado, ponha os aspargos em outra chapa com manteiga e tempere com sal e pimenta. Pique bem picado um punhado de agrião e em uma frigideira, refogue com bastante bastante manteiga. Esse agrião refogado, utilize como um molho. Simples assim, você terá um jantar maravilhoso.

13 de jun de 2010

Macarrão Caseiro

Outro dia, resolvi me aventurar a fazer macarrão, mas com minha própria massa. Como ia fazer o macarrão, tinha que fazer de qualidade. Então, pesquisei e vi que com farinha de semolina a massa fica ideal, por ser a semolina, a parte nobre dos cerais e conter mais glutem que a farinha comum.





Ingredientes:

200g de farinha de trigo
200g de farinha de semolina
4 ovos

Misture as farinhas e os ovos formando uma massa, e vá mexendo até que ela fique homogênea. Passe a massa nos cilindros e depois dobre (como um rocambole), repetindo o processo até  que ela vá diminuindo o espaçamento entre os cilindros. Pouvilhe farinha de trigo após cada vez que for passar a massa na máquina. Isso evita que a massa fique grudenta. Depois disso, é nessessário deixar ela secando por ao menos 1 hora. Depois é só cortar na maneira que desejar (no meu caso, talharim).
Quando faço macarrão, nunca uso óleo na panela, mas por ser massa fresca, aconselho a utilizar esse método, para evitar que os fios de macarrão grudem um no outro.
Para fazer o molho branco, apenas refoguei cebola e alho, e misturei creme de leite, sal e pimenta até pegar o gosto.

Sem mistério algum, combinei o macarão com tomates cerejas cortados ao meio, folhas de manjericão e lascas de presunto de parma. Não tem como errar! Tomate com manjericão é uma combinação clássica, e se molho branco e presunto também combinam, porque não um presunto de parma?
Dica:- A quantidade de farinha é proporcional aos ovos. 100g para cada ovo.
- Se quiser fazer massa de cenoura ou beterraba, ou outra coisa, é só subistituir 1 ovo pelo que for utilizar.

20 de mai de 2010

Cerveja Medieval

Hoje, provei uma excelente cerveja artesanal mineira chamada Medieval. Ela faz parte da modesta diversidade de cervejas oferecidas pela empresa Backer, nascida a quase 12 anos, mas apesar de jovem, oferece um produto de qualidade ímpar.
É uma Blond Ale, e como toda Ale, é de fermentação alta. Sua cor é dourado bem forte, e tem espuma branca e persistente. O sabor é bem condimentado e notas frutadas. Uma típica cerveja, a qual não dá vontade de parar de beber.
Decidi acompanhar a bebida com um queijo suave. Escolhi o queijo minas tipo padrão, mas para deixá-lo suave, pus ele cortado em cubos por cima de tiras de pão (se tivesse pão árabe, teria usado). Aqueci em uma frigideira para dar uma leve amolecida na consistência e no sabor. Depois, reguei com azeite e ervas finas (imaginei que as ervas cairíam bem com o sabor condimentado).
Não bastando o sabor da cerveja ser incrível, a embalagem é linda desde o rótulo, passando pelo vidro fosco, até a tampinha coberta de cera.
Não existe copo certo para se apreciar cerveja, desde que não seja de plástico, sujo, ou impeça a apreciação da cor. Mas existem alguns copos que podem enaltecer ainda mais a bebida. A Medieval (no caso uma Blond Ale) pede, por exemplo, copos Lager, Willybecher (foto), ou Shaker. Por terem a boca mais larga que a base, esses copos permitem que a espuma se mantenha por mais tempo, porque enquanto se esvazia o copo, a superfície a ser coberta pela espuma diminui.

13 de mai de 2010

Salmão Bock

Como um apaixonado por cerveja, não poderia deixar de criar um prato todo voltado para ela. Sim, o salmão não é o principal. Primeiro escolhi a Baden Baden, e fiquei na dúvida se utilizaria a Red Ale ou a Bock. Acabei escolhendo a Bock. Depois foi bem fácil saber que prato faria. A gordura do salmão harmonizaria perfeitamente com a cerveja. O molho foi bem fácil, o difícil foi imaginar o que traria o equilíbrio ao prato. Já imaginava que o molho seria bem forte e acabaria ficando bem estranho se não encontrasse o ingrediente de balanço. Quando fui no mercado e vi o Shitake, tive certeza que ficaria perfeito. Até o cheiro remete a receita.

Ingredientes:

4 Filés de Salmão
1 cerveja Baden Baden Bock 600ml
200 g de Cogumelos Shitake
1/2 cebola
1 dente de alho
2 colheres de sopa de manteiga com sal
4 colheres de sopa de azeite
Sal
Pimenta do reino

Modo de Preparo:

Separe os filés em um saco plástico (ziploc) e acrescente a cerveja até envolver o salmão. Deixe marinando um dia pro outro. Dia seguinte retire o salmão, e com ajuda de uma toalha de papel, seque o excesso do marinado no peixe. Tempere com sal e pimenta, depois é só levar pra frigideira e reservar.
Para o molho, derreta uma colher de manteiga e acrescente 300 ml de cerveja e espere reduzir bem. Acrescente um sal e pimenta do reino para temperar e rale um pouco de noz moscada (bem pouco). Após reduzir bem, engrosse o molho com farinha e pra finalizar acrescente o azeite. O molho deverá ficar bem forte, mas fica assim mesmo.
Para finalizar, derreta o resto da manteiga e refogue a cebola, o alho e o cogumelo. O resultado final é simplesmente maravilhoso.

Dica:
-Por se tratar de uma cerveja Helles Bock, o copo adequado a ser servido seria um Cálice, Snifter ou Tulip. Isso porque esses copos retém o poderoso buquê típico das cervejas mais encorpadas e fortes. Seu formato permite que seja envolvido pela mão para aquecer a bebida e provocar a exalação dos aromas mais voláteis.
-Sempre que levar o salmão a frigideira, tenha cuidado para pôr a pele por baixo primeiro.

6 de mai de 2010

Camarão com Molho Bechamel de Pápicra


Tive essa idéia após ver um programa de televisão, onde o chef fazia ostras gratinadas com molho bechamel de açafrão. Não sei se cometi algum pecado gastronômico ou algo parecido, mas o resultado ficou excelente. Na foto em questão, eu utilizei páprica picante ao invés de açafrão, e o resultado ficou até melhor.

Molho Bechamel:

Encontrei várias receitas diferentes para o molho, mas acabei ficando com essa que me proporcionou um resultado mais agradável.
- 1 colher de sopa de farinha de trigo
- 1 colher de sopa de manteiga
- 1 copo e meio de leite
- ½ cebola picada
- 1 dente de calho
- sal
- pimenta do reino
- noz moscada
- páprica picante

Em uma panela, ferva o leite, a cebola e o alho (picado ou amassado), sal, pimenta, noz moscada ralada, e páprica picante. Depois baixe o fogo, mexendo sempre, e deixe o leite pegar gosto. Depois peneire para que somente fique o leite aromatizado e reserve.
Em outra panela, derreta a manteiga em fogo baixo e adicione lentamente a farinha (sempre mexendo). Depois é só adicionar o leite reservado até obter uma mistura homogênea. O molho está pronto.

Ingredientes:

- 500g de camarão descascado
- 1 tomate grande fatiado
- 1 pimenta dedo de moça bem picada (sem semente)
- limão siciliano

Em um recipiente de vidro espalho o tomate fatiado, a pimenta picada e camarão devidamente temperado com sal e pimenta do reino. Ponha dois fios de limão e 2 de azeite. Espalhe por cima o molho bechamel e raspas do limão. Leve ao forno médio até o camarão ficar pronto e depois é só comer.


Dica:
- Esse molho pode ser aromatizado com diversos ingredientes. Tem apenas que saber em que vai ser utilizado para criar perfeita harmonia, mas pode utilizar tomilho, alecrim, açafrão, etc...
- Cuidado quando for tirar as raspas do limão. A parte branca da casca é extremamente amarga, tente retirar apenas a camada superficial da casca.

5 de mai de 2010

Molho Barbecue

Como 1º post, resolvi então colocar o vídeo do molho Barbecue. Molho perfeito para churrasco, muito utilizado pelos norte-americanos. Doce, azedo e picante combina perfeitamente com frangos e hambúrgueres

COZINHA DE MACHO VOL.1: CHEF DUDU from Droida on Vimeo.